O POVO MAIS ODIADO DA INTERNET

468x60
huhuhu

A raça mais odiada da Internet tem nome: brasileiros.

Não é questão de xenofobia – o repúdio dos brasileiros por outros povos na Internet é pela total falta de postura e ética no meio virtual.

O comportamento baderneiro dos brazucas incomoda muitos povos, por isso que os brasileiros tem seu acesso restrito ou proibido em diversos servidores de games, fóruns, sites, redes sociais, entre outros.

Somos o povo mais mal educado, irritante e troll da Internet. O falecido Orkut e o atual Facebook são exemplos disso: Quando o Orkut era febre nos outros países, tudo era muito organizado, até que os brasileiros colocaram os pés nas terras googleanas. Foi um deus nos acuda, tamanha a bagunça que a rede virou. As comunidades de idioma inglês foram invadidas pelos brasileiros, que começavam a falar em português no meio de debates em inglês. Os gringos irritados com tanta bagunça mudaram-se para o Facebook. E assim foi até que os brasileiros também migraram para o Facebook e o “abrasileiraram” ( leia-se Orkutizaram ).

O reflexo dessa mudança canarinho já foi demonstrado na última pesquisa de ingresso e saída da empresa, que mostra a migração dos gringos para redes sociais alternativas. A invasão brasileira acabou se tornando ameaça para essas empresas da web por representarem grandes baixas nos países onde a empresa já possui determinado sucesso, levando a mesma proibir a nossa entrada com o intuito de manter o negócio.

Brasileiro enche essas redes de spam, de gifs que brilham, de páginas de humor, de páginas de putaria, bobagens religiosas. Compartilham qualquer coisa a qualquer tempo. Embora não exista nenhum Código de Ética para Internet, o bom senso deve estar sempre presente.

O brasileiro é um povo que adora a internet, segundo várias pesquisas feitas por grandes portais de tecnologia, o Brasil é o 5º maior país com usuários na internet, o 1º no ranking nas Redes Sociais, e o 4º em número de usuários de jogos online.

E por sermos gigantescos e mal educados, ganhamos uma fama de sermos os “maloqueiros digitais” digamos assim, ou os típicos “trolls da internet”. Sempre quando surge uma rede social nova, ou um jogo online novo, vários brasileiros migram em massa pra lá, para escrotizar tudo, não propositalmente, mas é o que o brasileiro faz na internet, querendo ou não. E devido a essa má fama, várias empresas de jogos online tomam atitudes para proibir o acesso de jogadores brasileiros.

Segundo essas empresas a proibição de jogadores brasileiros é devido aos seguintes fatores:

– São mal educados
– Falam palavrões
– Desrespeitam jogadores
– Incomodam/Atrapalham outros jogadores
– Usam muito Cheaters/Hacker
– Não falam inglês

Não seguem ou nem ao menos tentam entender as regras básicas.
É claro que em outros países também existem essas pessoas mal intencionadas, isso não é uma coisa exclusivamente do Brasil, mas se somos o povo mais odiado da internet, existe um motivo especial, e esse motivo já é claro, o brasileiro é um povo muito desorganizado e mal educado, alguns podem não concordar mas é a verdade, poucos sabem seguir uma regra estabelecida sem antes sair “quebrando tudo”.

E isso não é só nos jogos online, ficamos famosos por destruir o Orkut e começar a destruir o Twitter e o Facebook. O Youtube já está completamente dominado pela praga brasileira com MILHÕES de canais de Minecraft (o game mais débil mental já inventado em todos os tempos).

Assim, compartilhar no Facebook, por exemplo, a foto de um cão esquartejado, alguma porcaria religiosa ou algo do gênero não é legal, todo mundo sabe disso, exceto a cretina massa brasileira.

torrentads

cliqueparafazerodownload
  • Rogério

    Concordo com você, infelizmente, pior que as vezes os bons brasileiros pagam pelos ruins :/

  • TotalNoob_Vs_theZ

    Exatamente o que eu penso. Parabens pelo texto!!

  • lord laly

    Concordo!

    • Nando Oldenburg

      Idem.

By WordPress